Aconteceu nas duas últimas semanas, em badalado restaurante da cidade, o “Club Degustar – especial de Natal” que o antenado Mathaus Sanchez organizou com muito carinho para a degustação dos vinhos que levam seu nome! Os convidados foram escolhidos a dedo para montar as mesas natalinas e todos adoraram participar desse momento especial. Mathaus aproveitou o evento para anunciar o lançamento de seu livro,  onde vai falar de histórias reais de amor. Já estamos ansiosos.
Confira alguns clicks feitos especialmente para esse blog.

Gi Assunção

Lívia Bellocchio

Dulce Helena

Meirianne Sousa

Claudia Bibiano

Suellen Pantaleao

Romancito Avelar

Tiago de Paulo

Ronaldo Capuço

Ilka Maria e o anfitrião Mathaus Sanchez

 

Desejamos a todos FELIZ NATAL!

Publicado em 24/12/20

Aprenda a fazer essa deliciosa torta:

Ingredientes

400 g de massa folheada Arosa descongelada 2 horas antes

200 g de presunto fatiado

200 g de muçarela fatiada

1 tomate italiano sem pele e sem sementes cortado em pequenos cubos

1 porção de uvas-passas

Cubinhos de bacon fritos

200 g de queijo prato ou outro queijo amarelo ralado no buraco grande

Modo de fazer

Escolher um refratário de médio a grande e forrar com metade da massa. Não precisa untar. Colocar as camadas de presunto, muçarela, bacon, tomate, uvas-passas e, por fim, uma generosa camada de queijo amarelo ralado. Cobrir com a outra metade da massa. Pincelar uma gema com manteiga derretida e levar para assar em forno pré-aquecido a 180 graus.

 

Publicado em 27/06/20

Por Virgínia Abdalla

Ingredientes

1 copo (requeijão) de água morna
1 copo (requeijão) de leite morno
2 colheres (sopa) de fermento biológico fresco
2 colheres (sopa) rasas de açúcar
1 colher (sopa) de sal
1/2 copo  (requeijão) de óleo
500 g de farinha de trigo integral
500 g de farinha de trigo branca
100 g de nozes
50 g de castanha-do-pará

Modo de fazer

Em uma bacia coloque o açúcar e o fermento. Acrescente a água e misture. Deixe 5 minutos. Junte o leite, o óleo e o sal. Aos poucos junte a farinha e vá amassando. Sove bastante até a massa ficar lisa. Acrescente as nozes picadas e a castanha-do-pará. Sove mais um pouco.Divida a massa em pedaços menores e coloque cada um em forma de pão de forma.
Deixe crescer até dobrar de volume. Faça um corte ao meio e leve para assar em forno pré aquecido a 200 graus.

Uma delícia!!!

 

 

Publicado em 05/04/20

Com esta deliciosa receita – a melhor de bacalhau que já saboreei  nos últimos tempos – voltamos ativar a seção Gastronomia deste Blog. Simples, rápido e fácil de preparar, Irene Rodrigues da Cunha Tahan nos ensinou o paaso a passo desta preparação, que já era feita por sua mãe, legítima descendente de portugueses. Os segredinhos e o passo a passo revelamos agora pra vocês

 

Ingredientes

 2 k de bacalhau

1 ½ k de batatas

Alho amassado

1 k de cebolas

 

 Modo de preparo

 Na véspera, dessalgar o bacalhau trocando a água 4 vezes. Reservar na geladeira.

 No dia, limpar o bacalhau e cortá-lo em postas grandes. Descascar as batatas e cozinhá-las em bastante água junto com o bacalhau, sem mexer. Assim que as batatas estiverem cozidas o bacalhau também estará no ponto.

Descartar um pouco da água do cozimento, mas deixar um pouco. Reserve.

 Em outra panela refogue rapidamente bastante alho amassado, as cebolas cortadas em pedaços grandes, azeite, vinagre, pimenta ardida, pimenta do reino. Prove e ajuste o sal.

 Misture tudo ao bacalhau com as batatas e coloque num refratário. Decore com ovos cozidos e azeitonas pretas.

 De comer rezando!…

 

Irene Rodrigues da Cunha Tahan

Publicado em 16/05/19

Filet com crosta de gergelim

2 medalhões de filet mignon ao ponto. Sobre a crosta da carne que ficou na chapa, torrar as sementes de gergelim e umedece-las ligeiramente. Colocar sobre os medalhões.

Talharim médio 

Cozido em água com sal e um filete de azeite.

Molho de shimeji

250 gr de shimeji frescos
1 cebola média
Azeite
Sal,  pimenta do reino e noz moscada
1 copo pequeno de iogurte natural
Ervas frescas: oregano e manjericão.

Lavar e separar os cogumelos. Picar uma cebola média e refogar no azeite. Quando ela dourar, coloque o shimeji e continue refogando. Temperar com sal, pimenta do reino e noz moscada. Abaixar o fogo e deixar cozinhando. Quando estiver cozido, acrescentar queijo gorgonzola e deixar derreter. Desligar o fogo e acrescentar o iogurte.

Montar o prato como na imagem.

Publicado em 10/04/18

São de festas do Cap Ferrat foi palco da festa de aniversario – primeiro aninho – de Maria Antonia Mendonça Miranda, a boneca de Maria Carolina e Guilherme Miranda. Alegria total dos avós Ilzabeth e Antonio Augusto Miranda, Regina e Jaime Miranda.

Decoração belíssima, bolo by Luciana Bolos, cardápio delicioso by Mariza Cury.

Mariza Cury com Ilzabeth e Carol

 

Bacalhau individual servido em panelinhas de cobre

 

Pastéis diferentes que a criançada amou

 

Avós paternos de Maria Antonia, Jaime Miranda e Regina

 

Equipe que fez a alegria da festa, de Uberaba e Ribeirão Preto

 

Escultura de balões

 

Cenário encantador

 

Presunto de parma, queijos nobres, quiches…

 

Detalhes…

 

… e mais detalhes

 

Bolo by Luciana Lopes

 

Entre as delícias, quiche de damascos com tomiljo e gosgonzola

 

Publicado em 28/03/18

A empada alentejana de javali é um prato típico da culinária daquela região de Portugal e que traz uma experiência única aos apreciadores da iguaria. Rico em sabor, é feito com carne de javali, foge das tradicionais receitas encontradas na gastronomia brasileira, se tornando uma ótima opção para quem deseja celebrar a Páscoa com uma receita ímpar, fora dos tradicionais assados preparados na ocasião.

Preparado com cogumelos selvagens, alho, salsa, manjericão e pimenta, entre outros ingredientes, no preparo, a carne de javali é marinada no vinho e algumas especiarias para deixá-la ainda mais tenra e saborosa. O prato final fica ainda mais agradável se acompanhada com salada de alface com tomates ou ainda legumes à vapor que dão um toque mágico no paladar. Ah, mas não esqueça de um bom vinho (alentejano, claro!) para uma excelente experiência ímpar e um bom equilíbrio de sabores.

De acordo com Vinhos do Alentejo, o prato típico português, originário da região do Alentejo, harmoniza muito bem com os seguintes vinhos:

Herdade da Luz – Uvas: Trincadeira, Aragonez e Syrah safra 2007,
Fonte da Serrana – Uva: Trincadeira, Aragonez e Touriga nacional,
Terra d´ Alter – Uva: Alfrocheiro,
Monte Velho – Uva: Trincadeira, Aragonez e Touriga nacional, Syrah
Paulo Laureano – Uva: Trincadeira, Aragonez, Alfrocheiro

Ingredientes:

1 kg de perna de javali

200 g de cogumelos selvagens

2 cebolas medias

4 dentes de alho

salsa qb

manjerona qb

tomilho qb

louro qb

azeite e sal

mistura de pimentas

vinho tinto qb

Modo de preparo:

Deixe a carne de molho durante 24 horas com água e vinho (branco e tinto) em partes iguais e também todos os temperos. Passado esse tempo, leve a carne para cozinhar nesta marinada e, depois de fria, desfie-a e reserve-a.

Faça um refogado com o azeite, cebola e alho. Depois de dourar, coloque a carne reservada, os cogumelos lavados e laminados, os temperos e um pouco de farinha de trigo para dar liga até virar um creme.

Prepare uma massa para empada. Forre um refratário com ela e, em seguida, ponha o recheio. Logo após, tampe a forma com o restante da massa.

Leve ao forno a 180 graus durante 35 minutos

Sirva a empada em fatias acompanhada com salada de alface com tomates ou ainda legumes à vapor. Pode-se utilizar também uma laranja na decoração.

Publicado em 28/03/18

“NASCIDA no Líbano, onde reside, Asmah Nabout vem, sempre ao Brasil, visitar o irmão Waggy. A nosso pedido, ela fez o Kib Traheb, o Quibe do Frade, uma sopa de lentilha com limão, couve rasgada e semeh, um condimento azedinho, acrescida de minúsculos quibes, à base de trigo e farinha de trigo. Na Sexta-feira Santa os cristãos, incluindo libaneses, não comem carne. O delicioso prato me devolveu a infância, quando era feito por minha mãe, Mariana.”

(Nota de Jorge Alberto Nabut na sua coluna no Jornal da Manhã)

Agora, a receita original abaixo:

Kibet el rahib  (Sopa de monges)

Este prato antigo costumava ser comido pelo próprio Senhor Jesus Cristo supostamente …

Ingredientes 
1 ½ xícaras (300g) lentilhas marrons, lavadas e escorridas
3 dentes de alho esmagados
½ xícara (125ml) de suco de limão ou 2 colheres de sopa de melaço de romã
2 colher de chá de sal
1 colher de sopa de azeite
Pão libanês, para servir

Bolinhos de trigo 
½ xícara (80g) de burghul fino, lavado e escorrido
1 cebola pequena finamente picada
2 colheres de chá de hortelã picada
1 colher de sopa de salsinha finamente picada
¼ colher de chá moída pimenta preta
¼ colher de chá pimenta
½ xícara (75g) de farinha, peneirada
1 colher de chá de sal

Preparo 
Para fazer os bolinhos, misture os ingredientes. Aos poucos, adicione um quarto de xícara (60 mililitros) de água até obter uma consistência semelhante à massa. Forme meia colher de chá de massa em um pequeno bolinho redondo. Repita com a mistura restante e reserve.

Coloque as lentilhas em uma panela grande, cubra com água e deixe ferver. Quando a água começar a ferver, adicione uma xícara (250 mililitros) de água fria (isso evita que as lentilhas se partam), cubra e deixe cozinhar em fogo baixo por 15 minutos.

Adicione cuidadosamente os bolinhos, em seguida, misture o alho, suco de limão ou melaço de romã, sal e óleo. Cubra e cozinhe em fogo médio por mais 30 minutos.

Sirva imediatamente com pão libanês ou guarde na geladeira e coma em poucos dias.

Publicado em 28/03/18

O Leilão Cartagho – leia-se Beto Mendes e Pedro Novis – semana passada na Chácara Nelore Nacional foi sucesso absoluto! Remates excepcionais para evento do gênero, em tarde memorável também no buffet by Mariza Cury para  neloristas e amigos que se fizeram presentes. A zootenista Luciane Kahale Abdanur  expert na organização de eventos pecuários brilhou mais uma vez.

Participaram, entre outros, Dorival Gibertoni, Cassio Lucente, João Aguiar, Hélio Propheta, Alceu Vasone, Claudia Tosta Junqueira, Ronaldo Alves, Luiz Humberto Borges, Arnaldo Manuel Machado Borges.

Confiram algumas das delícias da boa mesa servidas full time pela equipe de Mariza Cury. E ainda copie a receita que ela oferece ao nosso Blog.

Luciane Kahale Abdanur e Mariza Cury

Agora a receita inédita:

Berinjelas à caponata

Ingredientes

6 berinjelas

1 pimentão amarelo

1 pimentão vermelho

1 cebola grande

300 ml de azeite

Sal, louro, alho, pimenta calabresa a gosto

Modo de preparo:

Picar todos os legumes em tamanho uniforme. Acomoda-los em uma assadeira e temperar. Levar ao forno médio até que os legumes cozinhem.

Pulo do gato: colocar um pouquinho de açúcar mascavo.

Sirva acompanhada de torradas e/ou pães sírios e italianos.

 

Mariza Cury Buffet – 34 – 3332 1037

 

Publicado em 19/03/18

Tabule

Receita de Mariza Cury

Rendimento 5 porções

 

Ingredientes:

1 xícara (chá) de trigo para quibe

2 tomates

1 pepino

1 cebola média

1/2 maço de hortelã

1 maço de salsinha (o segredo tabule é salsa em quantidade)

1 alface crespa

Suco de 2 limões

Sal, pimenta do reino e azeite a gosto

Preparo: 

Deixe o trigo de molho por 1 hora. Retire a água do trigo para deixá-lo sequinho e solto. Pique os demais ingredients, junte-os e tempere com sal, limão, pimenta e azeite.

Entrada elegante: Sirva o tabule dentro de folhas de endívias.

Mariza Cury Buffet – 34 – 3332 1037

Publicado em 06/03/18
SOBRE MIM

Sou Virginia Abdalla, jornalista há mais de trinta anos. Ao longo desse tempo, assinei coluna social autoral, nos diários Jornal da Manhã e Jornal de Uberaba, trabalhando com conteúdo ético e abrangente. Espaço aberto para reportagens sociais e voltado também para comportamento, lifestyle, moda, cultura, gastronomia, ciências e tendências. Editei cadernos especiais de jornais e revistas, comandei programa de entrevistas em TV local e integro o quadro de colaboradores da publicação JM Magazine,  sempre procurando destacar pessoas pelo seu talento e fatos pela sua importância transformadora.
 Este é o foco do meu trabalho jornalístico, em prospecção para este Blog, on line desde 2012 - um novo e necessário caminho para fincar os pés no presente e tecnológico universo.
Sou graduada em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Santo Thomaz de Aquino - com especializações no setor - e pós-graduada em Educação Latu Sensu pela Universidade de São Carlos. Empresária, mãe, avó, filha e mulher que eventualmente se permite expressar através de produções de arte sustentável.

Tamareiras
Espaço A
Arquivo
  • expand2022 (27)
  • expand2021 (51)
  • expand2020 (58)
  • expand2019 (88)
  • expand2018 (129)
  • expand2013 (63)
  • expand2012 (491)

© 2022 Virginia Abdalla Blog . Todos os Direitos Reservados.
Powered by WordPress