A louça inglesa, também conhecida como “Louça de Salgueiro” é linda! Tradicional e imortalizada em poesia de Cora Coralina
Fabricada na Inglaterra desde 1858, possui decoração baseada na lenda chinesa do salgueiro (willou).
O salgueiro e os dois pombinhos estão obrigatoriamente nas decorações, enquanto a árvore da direita pode variar quanto ao número de maçãs.
Diferentes da porcelana de Macau ou Borrão que era pintada a mão em azul escuro, a louça inglesa é uma meia porcelana e a decoração feita com decalque.
A borda do prato tem motivo oriental, embora sendo sempre fabricada na Imglaterra. As peças mais antigas vem com a palavra “Stattfordishire” (onde foram feitas as primeiras tiragens) no avesso.
A lenda
Havia um velho mandarim (pessoa de status intelectual e social na China) que tinha uma linda e devotada filha. Certo dia descobriu que havia um carteiro fazendo a corte para a mesma; enfurecido ele expulsa a filha de casa e roga-lhes a praga que, após o primeiro beijo, eles seriam transformados em pombos.
Publicado em 28/04/18

“Mês passado participei de um evento sobre o Dia da Mulher.
Era um bate-papo com uma platéia composta de umas 250 mulheres de todas as raças, credos e idades.
E por falar em idade, lá pelas tantas, fui questionada sobre a minha e, como não me envergonho dela, respondi.
Foi um momento inesquecível…
A platéia inteira fez um ‘oooohh’ de descrédito.
Aí fiquei pensando: ‘pô, estou neste auditório há quase uma hora exibindo minha inteligência, e a única coisa que provocou uma reação calorosa da mulherada foi o fato de eu não aparentar a idade que tenho? Onde é que nós estamos?’

Onde não sei, mas estamos correndo atrás de algo caquético chamado ‘juventude eterna’. Estão todos em busca da reversão do tempo.
Acho ótimo, porque decrepitude também não é meu sonho de consumo, mas cirurgias estéticas não dão conta desse assunto sozinhas.
Há um outro truque que faz com que continuemos a ser chamadas de senhoritas mesmo em idade avançada.

A fonte da juventude chama-se “mudança”.

De fato, quem é escravo da repetição está condenado a virar cadáver antes da hora.
A única maneira de ser idoso sem envelhecer é não se opor a novos comportamentos, é ter disposição para guinadas.
Eu pretendo morrer jovem aos 120 anos.
Mudança, o que vem a ser tal coisa?
Minha mãe recentemente mudou do apartamento enorme em que morou a vida toda para um bem menorzinho.
Teve que vender e doar mais da metade dos móveis e tranqueiras, que havia guardado e, mesmo tendo feito isso com certa dor, ao conquistar uma vida mais compacta e simplificada, rejuvenesceu.
Uma amiga casada há 38 anos cansou das galinhagens do marido e o mandou passear, sem temer ficar sozinha aos 65 anos.
Rejuvenesceu.

Uma outra cansou da pauleira urbana e trocou um baita emprego por um não tão bom, só que em Florianópolis, onde ela vai à praia sempre que tem sol.
Rejuvenesceu.

Toda mudança cobra um alto preço emocional.
Antes de se tomar uma decisão difícil, e durante a tomada, chora-se muito, os questionamentos são inúmeros, a vida se desestabiliza.
Mas então chega o depois, a coisa feita, e aí a recompensa fica escancarada na face.

Mudanças fazem milagres por nossos olhos, e é no olhar que se percebe a tal juventude eterna.
Um olhar opaco pode ser puxado e repuxado por um cirurgião a ponto de as rugas sumirem, só que continuará opaco porque não existe plástica que resgate seu brilho.
Quem dá brilho ao olhar é a vida que a gente optou por levar.

Olhe-se no espelho…”

Lya Luft (foto/divulgação)

Leia mais: http://longevidade-silvia.blogspot.com/2010/02/idade-e-mudanca-por-lya-luft.html#ixzz5CxcdjrP2

Publicado em 17/04/18
em: News, Social

Jovens e belos médicos Renato Abrão e Adriana Treme pilotaram batizado da primogênita Cecília no fim de semana, na Igreja São Judas Tadeu. Com direito a seleto almoço no restaurante Chef Tuca Antonio – só para os familiares.

Em tempo: Adriana Treme Abrão é uma das entrevistadas de matéria especial comemorativa aos 15 anos da revista JM Magazine que será lançada na próxima quarta-feira, dia 25 de abril no Parthenon.

Adriana, Renato Abrão e a filha Cecília

 

Pequena Cecília com os avós paternos Idarlene e Djalma Antonio Abrão

 

Cecília com seus tios Juliana e Djalma Abrão Júnior

 

Amor de mãe: bela foto de Babi Magela

 

Publicado em 17/04/18
em: News

Niver

Toda a família de Jane e Itagiba Cordeiro esteve reunida em torno da comemoração dos 9 anos do garotão Dudu – ao lado de sua bela mãe Juliana

Amigas

Eva Marieta Fontoura recebe amigas em sua casa, em Dourados

Exposição de arte

Mais uma conquista que já é sucesso do artista plástico Reginaldo Pereira na Europa

 

Ondas de Cancun

Alcione e Juliano botelho curtindo segunda lua de mel em Cancun

 

Na ilha

Ilhabela parou para dar passagens a belas amigas uberabenses

 

Renatinha em noite de niver

Renatinha Vilela Maluf comemorou seus 35 anos em Uberaba em festão que reuniu todos os amigos na antiga casa da família de Dora Vilela e Ovidinho Maluf. Na fot, a aniversariante com seus pais, o irmão Alexandre, a avó Elda e a tia Maria Eugenia Maluf

Dia das Mães

Amigas queridas Bernadete Pinheiro, Adriana Pinheiro Frossard e Marcella Pinheiro Frossard entre as escolhidas para integrar a exposição de Babi Magela para o Dia das Mães

 

 

Publicado em 17/04/18

Publicado em 16/04/18

“A Cor do Ano (Pantone 18-3838) tornou-se muito mais do que uma tendência no mundo do design e da moda; agora é realmente o resultado de uma reflexão e da identificação daquilo que está em falta no mundo atual”

(Laurie Pressman, Vice Presidente do Pantone Color Institute)

O Ultra Violet  18-3838 – cor do ano de 2018  – uma tonalidade “dramática” de roxo, é uma cor relativamente neutra; tem bastante azul, mas tem uma pitada de amarelo também, além do vermelho. É uma cor que combina muito bem com neutros como branco, cinza e preto.  Na moda e na decoração traz esoterismo e modernidade, e funciona bem com peças de estilo mais minimalistas e cortes retos.

Todas as estações da Análise Monocromática têm uma gama de roxos e seus derivados. Sendo assim, podemos contar com uma infinidade de versões para nos inspirar – todo mundo tem um tom de roxo para chamar de seu.

Para a decoração, utilize o ultra violet em pontos de destaque – objetos decorativos ou móveis, em contraponto com cores claras e monocromáticas. Para um ambiente mais suave, aposte nos tons pastel, como rosa, azul e lilás. Para um ambiente mais sensual, aporte nos tons mais escuros como o preto e o marrom, além de utilizar tecidos luxuosos como o couro e o veludo.

 

 

O Instituto de Cores Pantone™ é um serviço de consultoria dentro da Pantone, que anuncia tendências mundiais de cores e presta aconselhamento sobre identidade de marcas e desenvolvimento de produtos em termos do uso de cores, envolvidos desde a aplicabilidade e a integração das cores dentro da estratégia empresarial. Reconhecida internacionalmente como a líder em termos de fonte de informações sobre cores, através de estudos sazonais de tendências, desenvolvimento de cores customizadas e recomendação de paletas de cores para produtos e identidade corporativa, Pantone Color Institute faz parcerias com marcas internacionais para elevar o poder, a psicologia e a emotividade das cores em suas estratégias de design. (Fonte: Pantone, Pinterest, Casa Vogue)

 

Juliana Sousa é Arquiteta e Urbanista, com cursos na área de Design de Interiores, Gerenciamento de Projetos, e Gestão Ambiental.

Contatos:

Studio E+A – Engenharia e Arquitetura

Avenida Alberto Martins Fontoura Borges, nº 580 | Bairro São Benedito | 

Uberaba/MG | Cep: 38022-070 | 

Telefone: 34 3311-7243 | 34 99134-8578 | 34 99813-1119 | 

studioea.construcoes@gmail.com

 

Publicado em 16/04/18

Publicado em 13/04/18

Veja os locais em que o preenchimento fica perfeito!

 

 

Antes e depois

 

Antes e depois

 

 

 

Ana Vera Abdanur é graduada em Farmácia Industrial; pós-graduada em Fitoterapia, Saúde pública e Farmácia Estética. Concluiu outros diversos cursos avançados de Toxina Botulínica, Preenchedores, MD Codes, Fios de Sustentação….Peeling Químico.

Shopping Center Urbano Salomão

Sala 49 – Piso 2

Agendamento: WhatsApp 34-991189818

Publicado em 13/04/18

Você já sabe o quanto o esporte faz bem para o coração, imagina ele aliado a uma boa ação!?
Para dar a largada inicial, vem aí a 1ª CORRIDA RÚSTICA DO EMAÚS

Isso mesmo! Marque aí na agenda, porque já estamos nos aquecendo para te receber.  Será dia 22 de abril, no Parque das Acácias (Piscinão), com concentração às 7h30 e largada às 8h. Chama todo mundo e vem, juntos caminhamos mais forte para essa corrida do bem. Ah, não se esqueça! As inscrições são limitadas, então a hora é agora. Acesse o site www.sportbro.com.br e valide sua participação. A contagem regressiva já começou!

Os 150 primeiros inscritos ganham uma camiseta personalizada, além disso, os primeiros colocados levam para casa uma premiação:

Categoria Masculina:
•Troféu para os 5 primeiros colocados no geral.
•Medalhas para os 3 primeiros colocados em cada categoria.

Categoria Feminina:
•Troféu para as 5 primeiras colocadas no geral.
•Medalhas para as 3 primeiras colocadas em cada categoria.
.Medalhas de participação para todos os atletas que concluírem a prova.

Prepare o tênis, uma roupa leve, seu melhor sorriso e a torcida da sua família e amigos que a vitória é certa.

O local para a retirada dos kits, camisetas e arrecadação dos litros de leite será disponibilizado até no dia 13 de abril. Para maiores informações, acesso o regulamento no site.

Publicado em 12/04/18

Filet com crosta de gergelim

2 medalhões de filet mignon ao ponto. Sobre a crosta da carne que ficou na chapa, torrar as sementes de gergelim e umedece-las ligeiramente. Colocar sobre os medalhões.

Talharim médio 

Cozido em água com sal e um filete de azeite.

Molho de shimeji

250 gr de shimeji frescos
1 cebola média
Azeite
Sal,  pimenta do reino e noz moscada
1 copo pequeno de iogurte natural
Ervas frescas: oregano e manjericão.

Lavar e separar os cogumelos. Picar uma cebola média e refogar no azeite. Quando ela dourar, coloque o shimeji e continue refogando. Temperar com sal, pimenta do reino e noz moscada. Abaixar o fogo e deixar cozinhando. Quando estiver cozido, acrescentar queijo gorgonzola e deixar derreter. Desligar o fogo e acrescentar o iogurte.

Montar o prato como na imagem.

Publicado em 10/04/18
SOBRE MIM

Sou Virginia Abdalla, jornalista há mais de trinta anos. Ao longo desse tempo, assinei coluna social autoral, nos diários Jornal da Manhã e Jornal de Uberaba, trabalhando com conteúdo ético e abrangente. Espaço aberto para reportagens sociais e voltado também para comportamento, lifestyle, moda, cultura, gastronomia, ciências e tendências. Editei cadernos especiais de jornais e revistas, comandei programa de entrevistas em TV local e integro o quadro de colaboradores da publicação JM Magazine,  sempre procurando destacar pessoas pelo seu talento e fatos pela sua importância transformadora.
 Este é o foco do meu trabalho jornalístico, em prospecção para este Blog, on line desde 2012 - um novo e necessário caminho para fincar os pés no presente e tecnológico universo.
Sou graduada em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Santo Thomaz de Aquino - com especializações no setor - e pós-graduada em Educação Latu Sensu pela Universidade de São Carlos. Empresária, mãe, avó, filha e mulher que eventualmente se permite expressar através de produções de arte sustentável.

MARIZA CURY GASTRONOMIA
Studio E+A Engenharia
Arquivo
  • expand2018 (123)
  • expand2013 (63)
  • expand2012 (492)

© 2018 Virginia Abdalla Blog . Todos os Direitos Reservados.
Powered by WordPress