Sempre antenada com o que há de melhor e mais atual no quesito “Receber Bem”, CecĂ­lia CecĂ­lio está em SĂŁo Paulo Ă  mil! Ela acaba de fazer dois cursos sensacionais sobre arranjos de flores na decoração. Um deles foi com a florista Renata Gammarano e o outro com a top Lucia Millan. E já está matriculada em outro, que vai acontecer no prĂłximo mĂŞs. As chiques e antenadas “alunas” dos cursos de Cecilinha já estĂŁo no maior frisson pra saber quando Ă© que ela vai nos ensinar tambĂ©m?!…

Curtam um pouquinho do muito que Cecília já aprendeu.

Cecilia com a florista Renata Gammarano da @helloflowersbr

 

Arranjos já montados por Cecília

 

Esta Ă© a super Lucia Milan ministrando uma aula

 

E aqui, ela mostra como montar este arranjo

Arranjo pronto. MagnĂ­fico!

 

CecĂ­lia com sua mestra…

Arranjos by CecĂ­lia CecĂ­lio

 

Publicado em 20/03/18

O mix and match Ă© um poderoso aliado para quem gosta de fazer misturas inusitadas nas mesas sem ter aquela quantidade exagerada de pratos. Eu sempre trago de viagem jogos menores para montar mesas variadas… É um vicio!!!

A ordem é misturar e alinhar a variedade de louças com o restante da decoração da mesa, sempre levando em conta o estilo do evento.

As pessoas acham mais fácil quando o mix é para uma ocasião informal. Mas, mesmo em casamentos e outras recepções formais é possível brincar com as estampas- desde que claro sejam peças mais sofisticadas e finas e que tenham a ver com o estilo do evento.

Geralmente, peças muito coloridas são mais usadas em brunch e almoço, pois ficam perfeitas com a luz do dia.

 

Montei um jogo de pratos antigos onde o tema sĂŁo rosas – reparem que os pratos “conversam” entre si – e procurei juntá-los em diâmetros iguais. O resultado foi incrĂ­vel! Veja abaixo…

 

Aqui, além de porcelanas diferentes, eu usei pratos da Bordallo Pinheiro e uma toalha índigo indiana. O resultado ficou bem sofisticado

 

Um mix de pratos da Anthropologie e garrafas de vinho com velas… opção super descontraĂ­da para uma massa

 

Nesta mesa de cafĂ© misturei duas estampas nos mesmos tons, uma floral e a outra de frutas…

 

Uma opção bem sofisticada é montar louças em tons de azul

 

Nesta mesa misturei palha, animal print e floral, dando um efeito Ăşnico!

 

Nesta composição misturei souplasts de faiança com pratos de cristal e porcelana floral

 

O mix de xícaras antigas também é sofisticado. Então, solte a imaginação e derrube o preconceito. Garanto que será um sucesso!

Publicado em 10/03/18

Louça é o coletivo de manufatura de ceramica, faiança e porcelana

Porcelana
A porcelana é preparada à base de caulim. Vitrificaçao, transparência e não porosidade são suas características. São peças delicadas, leves e muito resistentes.  A minha preferida, e também dos nobres europeus, é a húngara Herend, fundado em 1826 e vendida em mais de 60 países.

Porcelana Herend

Vale ressaltar o Bone China,um tipo de porcelana de pasta macia que é composta por cinzas ósseas, feldspato e caulim. A China é responsável por 90% da produção mundial

 

Faianças
A temperatura de cozimento da faiança é mais baixa do que a da porcelana; sendo assim, o esmalte não se agrega à pasta criando uma película fina e e craquelada. Muito comum na Itália e Portugal.
A portuguesa Bordallo Pinheiro, é muito tradicional. Fundada em 1884 em Caldas da Rainha, a fábrica é ainda hoje sinônimo de requinte e charme. As peças da linha Cabagge são as mais famosas.

Faiança Bordallo Pinheiro

Na Itália destacam as cidades de Deruta e Caltagitone como  grandes produtoras.

 

Cerâmica
Foi inventada no Período Neolítico. A matéria prima é a argila cozida, resultando num produto mais rústico e pesado, sem perder o charme. A Royal Delft fundada no século XVII  a única restante a produzir as cerâmicas em azul e branco.

Cerâmica Royal Delft

Os holandeses eram apaixonados pelas porcelanas nos tons de azul vindas do Oriente e tentaram copiá-las; não conseguiram, mas criaram sua própria identidade visual. As cerâmicas Delft são apreciadas no mundo todo.

Publicado em 02/03/18

Quem nunca tinha ido, ficou de queixo caído. As que já são habitués sairam de lá com a certeza de que tinham aprendido muito mais. Estou falando sobre o super sucesso que foi o Workshop de Páscoa pilotado por Cecília Cecílio ontem à noite no Armazém Mais Brasil, com o co-protagonismo de Simone Vítor (acabando de tirar do forno sua programação semanal de produção de pães com agendamento) e de Márcia Cecílio Vale, artesã do maior bom gosto e estilo.

Mesa de queijos e vinhos disponível para degustação. Observem os pães em formato de coelhinho

CecĂ­lia montou diversas mesas de Páscoa, com propostas para os mais conhecidos e usáveis tipos de serviços e refeições. CafĂ© da manhĂŁ, almoços e jantares, chá das 5 – ou lanche da tarde – Ă  francesa, Ă  inglesa, Ă  americana, estilos familiar e empratado, alĂ©m de dicas preciosas – dessas para a gente guardar pra sempre e ainda repassar para nossas filhas e netas.

Ă€ americana

 

 

Café da manhã

Chá das cinco

Cecília e Márcia Cecilio

As participantes brindando o wokshop: Tania Abrão, Giovana Pagliaro Boscolo, Juliana Gabrielli, Cecilia, Maria Alice Nassif, Márcia Cecílio, Bia Callori, Cristina conti, Ana Maria Prata Vidal, Neiva e Nilda Carvalho, Izar Albergaria, Ilka Maria Cançado Oliveira e esta colunista

Todas elas estão com as receitas em mãos, do divino cardápio que o Blog paulistano O Avental criou especialmente para este workshop. Confiram o menu:

Sexta feira Santa:

Bacalhau Espiritual acompanhado de Arroz de AmĂŞndoas.

Ou Vieiras tostadas com Capellini ao Limone…

Domingo de Páscoa:

Cordeiro Assado com batatas e cenouras baby.

Lasagna de Bacalhau com Bechamél de coco

Sobremesa delicada e com carinha de aconchego : taça morna de arroz doce e especiarias…

Publicado em 27/02/18

Publicado em 16/02/18

Artista nata, a decoradora Cecilinha CecĂ­lio – recordista de seguidores nas redes sociais – inaugura nova Categoria aqui no nosso Blog. A partir de hoje – com atualizações semanais, nossos leitores poderĂŁo saber tudo sobre Bem Receber. AlĂ©m de graduada pela Escola Panamericana e pela Espade (Escola Paulista de Arte e Decoração), Cecilia traz esta arte no seu DNA, pratica e conversa sobre o tema com a maior intimidade. Seja benvinda!

 

Publicado em 14/02/18
SOBRE MIM

Sou Virginia Abdalla, jornalista há mais de trinta anos. Ao longo desse tempo, assinei coluna social autoral, nos diários Jornal da Manhã e Jornal de Uberaba, trabalhando com conteúdo ético e abrangente. Espaço aberto para reportagens sociais e voltado também para comportamento, lifestyle, moda, cultura, gastronomia, ciências e tendências. Editei cadernos especiais de jornais e revistas, comandei programa de entrevistas em TV local e integro o quadro de colaboradores da publicação JM Magazine,  sempre procurando destacar pessoas pelo seu talento e fatos pela sua importância transformadora.
 Este é o foco do meu trabalho jornalístico, em prospecção para este Blog, on line desde 2012 - um novo e necessário caminho para fincar os pés no presente e tecnológico universo.
Sou graduada em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Santo Thomaz de Aquino - com especializações no setor - e pós-graduada em Educação Latu Sensu pela Universidade de São Carlos. Empresária, mãe, avó, filha e mulher que eventualmente se permite expressar através de produções de arte sustentável.

Tamareiras
Espaço A
Arquivo
  • expand2021 (37)
  • expand2020 (58)
  • expand2019 (88)
  • expand2018 (129)
  • expand2013 (63)
  • expand2012 (492)

© 2021 Virginia Abdalla Blog . Todos os Direitos Reservados.
Powered by WordPress