Colaboração Alexandre Cury

 

OPINIÃO

Nem por isso – a não ser a ampla cobertura da imprensa – a população festejou como deveria, o início das operações do Grupo Petrópolis em suas atividades na cervejaria em Uberaba. As máquinas entraram em operação esta semana para fabricação das primeiras unidades de bebida. Afinal, este é um investimento inédito em nossa cidade, um marco importante para Uberaba, sendo o investimento de 1 bilhão, de uma magnitude que já está atravessando fronteiras. Os que que lutaram tanto e se empenharam no propósito, estes sim, são também nossos heróis.  Serão produzidos 110 mil litros da cerveja Itaipava neste primeiro momento, sob o comando do diretor industrial e mestre cervejeiro, Diego Gomes. De acordo com informações da empresa, a bebida passará por todo processo de fabricação e será envasada ainda este mês, após tempo de maturação. A fábrica entra em funcionamento dentro do cronograma previsto. A implantação da cervejaria começou em julho do ano passado. A licença ambiental e o habite-se foram emitidos em junho para viabilizar a entrada em operação da fábrica. Diga-se de passagem – e importância histórica – que o Tamareiras Park Hotel – que já hospedou famosos, autoridades e grandes personalidades, abriu suas portas para um grupo grande de estrangeiros, principalmente alemães, que estão aqui em Uberaba para o grande feito. Enfim… o assunto é importante demais para as pessoas só ficarem discutindo mandos e desmandos da família Bolsonaro.

Grupo Petrópolis inicia as operações da fábrica em Uberaba

 

Reflexões em tempos de pandemia nos leva a concluir que para avançarmos em direção a um futuro saudável é preciso curar as emoções e as feridas… E a cura pode acontecer no agora, por que não?…A importância e a potência curativa de praticar o perdão nas relações e nos momentos do cotidiano encaixam-se perfeitamente no tema, em nossa opinião. Se já nos perguntamos (e nos respondemos), agora queremos saber de você:

“Já perdoou alguém hoje?”

 

Confira o que nossos convidados responderam:

 

“Já perdoei. Isso faz parte da evolução pessoal, do ser humano.”

Rafael Gomes de Barros – COACH Empresarial

 

“No decorrer da nossa vida, temos, por menores que sejam, magoas guardadas, e claro, precisamos ressignificar esse sentimento tóxico e praticar o perdão. Cada mágoa cada pitada de rancor é uma gota de veneno que se toma diariamente, e vai se acumulando em nosso organismo. A mágoa e o rancor são na verdade, terríveis prisões emocionais, cárceres que limitam nossas vidas e nos fazem infelizes.

Não liberar o perdão é como se a pessoa estivesse puxando bolas de ferro, presas aos seus pés ou até mesmo uma mochila pesada nas costas. Elas querem correr, mas, não conseguem, querem voar, mas não podem. Geralmente o que tem dentro da mochila dessas pessoas são suas mágoas e rancores, são seus ressentimentos que as impedem de ter uma vida plena e feliz. Eu amo falar de perdão, mas sempre quando temos esse assunto as pessoas me dizem: “Você está dizendo isso porque não foi com você.” ou “Ela não merece o meu perdão.” A maioria das pessoas acham que sentindo ódio ou mágoa estão se vingando. E eu tento fazer com que estas pessoas entendam que esses sentimentos negativos (mágoa/rancor/ ressentimento) só faz mal a quem a possua. Quando me dizem que fulano não merece o meu perdão, eu mostro que quem precisa urgentemente do perdão não é o fulano e sim ela que tem a mágoa. Quem está sofrendo é ela, quem tem uma enorme mochila nas costas é ela. Quem tem um olhar triste e carente é ela, e não fulano, que continua levando sua vida normalmente. É importante lembrar que pensamento rancorosos, geram sentimentos rancorosos, que geram comportamentos rancorosos e que, sentimentos e comportamentos rancorosos geram crenças limitantes. Mas o maior ganho da pessoa é a identificação desses sentimentos. É ter consciência do quanto eles estão afetando sua vida. Uma das pressuposições básicas da programação Neurolinguística é: “As pessoas fazem a melhor escolha naquele momento, sob seu ponto de vista em questão.” Esta pressuposição quer dizer que quem o magoou, estava fazendo o melhor que podia naquele momento. Agora, você sabendo tudo isso, fica apto e consciente para liberar o perdão seja para quem quer que seja. Não que a pessoa mereça, mas lembre-se VOCÊ MERECE ficar livre desse fardo. Na Programação Neurolisguística e no Coaching Integral Sistêmico, existem ferramentas e técnicas que podem te ajudar nesse processo. E eu estarei aqui para te ajudar caso precise. Você merece viver sem essa mochila pesada nas costas! Você merece ter uma vida leve e abundante. Se permita e libere as bênçãos sobre você. Vamos perdoar?”

Daniela Margato – Empresária, Especialista em saúde emocional, Formada em PNL e Master Coach

 

“Não sei. Se perdoei eu realmente já esqueci.”

Mirella Dias – Bancária

 

“Sim. Fomos surpreendidos por situações que indiscutivelmente fez com que passássemos por apuros, isolamento, planos desfeitos, encontros e eventos marcados que foram cancelados, se tratando do comércio até mesmo quem estava preparado para mercado online foi surpreendido – que é meu caso. Mesmo trabalhando há mais de 1 ano somente com mercado online, fui surpreendido, a priori negativamente e depois positivamente. Usando a capacidade que todos nós temos e fomos obrigado a usar, capacidade de superação, de sair, de sermos obrigados a se reinventar, de sair da zona de conforto e se superar. Se pudesse falar uma coisa “boa” dessa pandemia é o crescimento que voluntariamente ou não, todos tivemos nesse período. ”

Guilherme Ribeiro – Engenheiro Civil

 

“Sim. Liberar o perdão. Quando não damos o perdão, a mágoa fica dentro de nós, e o nosso coração começa a corroer os nossos sentimentos, fazendo com que nos tornemos pessoas frias, rancorosas e infelizes.”

Dani Salci РCriadora de Conte̼do

 

APLAUSOS

Advogado consagrado na cidade, o agora Doutor Lucas Coelho Nabut acaba de defender tese de Doutorado em Direito Político e Econômico (sua principal área de atuação), perante banca examinadora da Universidade Presbiteriana Mackenzie, conseguindo nota máxima é rasgados elogios dos mestres. O título da tese: A incorporação das novas tecnologias na Saúde Suplementar: Uma análise Jurídica em busca da sustentabilidade e eficiência. Brindemos ao Doutor Lucas! Tim-tim aos seus pais, queridos primos Regina e Carlos Alberto Nabut.

Doutor Lucas Coelho Nabut

 

GRAVIDÍSSIMOS

A propósito, a família Nabut comemora também a chegada de dois novos integrantes. O casal Paula e Fabiano Nabut aguardam a chegada do segundo filho, ainda não sabem o sexo, mas será muito amado ou amada, como a filha do casal Marina. Lara e Guilherme Nabut esperam a chegada do primogênito Raphael Nabut.

 

Viva a Júlia

Aniversariante de hoje Júlia Tahan Oliveira, que se formou em Direito no ano passado, segue os passos do mestre Lucas Nabut e já está cursando pós graduação. Felicidades

Júlia com o seu cãozinho Keti

 

Lu faz 50

Luciene Aguiar Afonso completou 50, na quinta-feira (13) e ganhou surpresa da família e dos amigos. No dia 13, uma Live com direito a homenagens e “show particular”. No dia 14 foi realizada uma carreata que passou em frente a sua residência. Pura emoção. A aniversariante recebeu essas homenagens ao lado do esposo Celso Júnior – que aniversariou ontem – e dos filhos Celso Neto e Nathália. Tudo isso organizado por sua irmã Tânia Aguiar – que tem um bom gosto ímpar – e pelos amigos Plínio e João. Foi tudo lindo. Ela merece!

Luciene em frente a bela mesa do bolo

Tânia e Plínio durante a montagem

Luciene e sua família durante a carreata em frente a sua residência

 

Mente Brilhante

Cada um dos filhos de Sueli e Gilberto Martins Vasconcelos brilha mais que o outro. Nossa Lígia, médica, mãe e esposa do Alex tem luz própria que ofusca qualquer uma outra mulher. Beto Vasconcelos é nome de peso no cenário da advocacia no país e o caçula Breno Ferreira Martins Vasconcelos tem se destacado como jurista de reconhecimento nacional, tantos e tamanhos têm sido seus feitos e conquistas. Há algumas semanas, por exemplo, Breno derrubou um mito. Por 7 votos a 4 conseguiu que fosse declarada inconstitucional a incidência de contribuição previdenciária patronal sobre o salário maternidade. Vitória no Supremo – em audiência com o Ministro Barroso – Breno argumentou o quanto estudou, ouviu, pesquisou em defesa dessa então desigualdade que penalizava a carreira (já não fácil) das mulheres no mercado de trabalho. Como grandes amigos da família nos sentimos muito orgulhosos. Também.

Breno Ferreira Martins

 

Saudades

A partida do querido Fuad Miguel Hueb deixou partidos nossos corações. Homem íntegro, trabalhador, honesto e cumpridor dos seus deveres. Era um homem de bem e do bem. Rodeado de amigos, um grande empreendedor. Nossos sentimentos de pesar mais profundos e sinceros a todos os filhos – Cristina, Fuedinho, Flávio, Bia, Márcia, Jannice e Fabiano. Já está ao lado da sua Lourdinha.

Fuad Miguel Hueb

 

IMAGENS QUE SÃO NOTÍCIAS

Lindos Luiz Pessoa Vicente Neto e Camila com a princesinha Luiza

Murilo Santos soprou velinhas ontem. Parabéns

Família a espera de Benício – Jéssica Caetano e Léo Naves estão ansiosos. Na foto com Enzo Naves e com os “filhos de quatro patas” Bolt e Nina

O advogado Pedro Augusto dos Santos comemorou o dia especial das mulheres da sua vida “grudadinho” nelas – Bruna e Manu

Aniversariante de amanhã, Geraldo Henrique, passará a data em Brasília

Cláudia Dib comemorou seu aniversário no dia 12. Parabéns

MENSAGEM DA SEMANA

 

Acesse também em: www.jmonline.com.br

Publicado em 17/08/20
SOBRE MIM

Sou Virginia Abdalla, jornalista há mais de trinta anos. Ao longo desse tempo, assinei coluna social autoral, nos diários Jornal da Manhã e Jornal de Uberaba, trabalhando com conteúdo ético e abrangente. Espaço aberto para reportagens sociais e voltado também para comportamento, lifestyle, moda, cultura, gastronomia, ciências e tendências. Editei cadernos especiais de jornais e revistas, comandei programa de entrevistas em TV local e integro o quadro de colaboradores da publicação JM Magazine,  sempre procurando destacar pessoas pelo seu talento e fatos pela sua importância transformadora.
 Este é o foco do meu trabalho jornalístico, em prospecção para este Blog, on line desde 2012 - um novo e necessário caminho para fincar os pés no presente e tecnológico universo.
Sou graduada em Pedagogia pela Faculdade de Ciências e Letras Santo Thomaz de Aquino - com especializações no setor - e pós-graduada em Educação Latu Sensu pela Universidade de São Carlos. Empresária, mãe, avó, filha e mulher que eventualmente se permite expressar através de produções de arte sustentável.

Tamareiras
Espaço A
Arquivo
  • expand2021 (2)
  • expand2020 (58)
  • expand2019 (88)
  • expand2018 (129)
  • expand2013 (63)
  • expand2012 (492)

© 2021 Virginia Abdalla Blog . Todos os Direitos Reservados.
Powered by WordPress